Blog do Dina - Câmara Técnica da Prefeitura debate estratégias contra dengue e arboviroses


Câmara Técnica da Prefeitura debate estratégias contra dengue e arboviroses

6 de fevereiro de 2024 às 16:04

A Câmara Técnica que envolve diversas secretarias da Prefeitura de Natal realizou mais uma reunião nesta terça-feira (6), desta vez para ouvir a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) sobre o quadro
epidemiológico das arboviroses (dengue, zika e chicungunya) no
Município. A reunião foi conduzida pelo secretário de Governo, Joham Xavier, e contou com a presença de representantes de várias pastas municipais.

Em Natal, nas três primeiras semanas deste ano, foi registrado um
aumento de 46% na notificação dos casos de arboviroses, comparando com o mesmo período no ano de 2023. Até o dia 20 de janeiro, foram contabilizadas 160 notificações para as doenças.

Os números servem de alerta para casos de epidemias que acontecem no país, e podem se estender para todo o território nacional. No município, questões climáticas, como o calor em excesso com chuvas espaçadas comuns no início do ano, criam o cenário ideal para a proliferação do mosquito Aedes aegypti.

O secretário municipal de Saúde, George Antunes, apontou que o
momento atual requer muita atenção às arboviroses e o apoio e
participação das secretarias é fundamental para o enfrentamento do
mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue, chikungunya e zika.

“Estamos no período sazonal das doenças, e esta é a época em que mais precisamos da atenção de todos para redobrar os cuidados no
enfrentamento das arboviroses. O objetivo é trabalhar sempre a
prevenção e evitar ao máximo a superlotação das unidades assistenciais, promover um diagnóstico precoce e trabalhar o processo de conscientização e educação com a população”, frisou o secretário. “Esse é o momento de somarmos forças para que possamos oferecer à população a melhor informação e o melhor tratamento”.

A apresentação do cenário epidemiológico foi feita por Jan Pierre
Araújo, chefe da Unidade de Vigilância de Zoonoses (UVZ), que
demonstrou através de slides todo o cronograma de ações para este
ano. A SMS elaborou um plano de contingência das arboviroses, estabelecendo as ações e estratégias que serão implementadas para
prevenir uma eventual situação epidêmica em Natal, como
sensibilização da rede de saúde do município, assistência farmacêutica e laboratório, além de gestão de recursos humanos para as áreas que apresentam a maior concentração de casos para as doenças.

Recentemente, a Secretaria de Saúde instaurou um gabinete de crise, com a intenção de discutir ações que visem o combate às arboviroses e para atualização do Plano de Ação Municipal Emergencial para Combate às doenças transmitidas pelo Aedes aegypti.

O gabinete é composto por representantes do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS), Unidade
de Vigilância de Zoonoses (UVZ/DVS), Setor de Vigilância Epidemiológica (SVE/DVS), Departamento de Atenção Básica (DAB), Departamento de Atenção Especializada (DAE), Departamento de Assistência Farmacêutica (DAF), Setor de Assistência Laboratorial.

Estiveram presentes na reunião representantes das secretarias
Municipal de Governo, SMS, Secom, Semtas, Sempla, Procon, Semdes, STTU, Urbana, Funcarte, Semul, Semurb, Seharpe, Setur, SME e Seinfra.

Divulgação
A Secretaria de Comunicação Social (Secom) lançou uma nova campanha de mídia que reforça os cuidados com o mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, o Aedes aegypti. As peças estão sendo veiculadas nas redes sociais e nos veículos oficiais da Prefeitura, trazendo informações que lembram a participação de toda a população para eliminar locais com água parada, que são onde o inseto deposita suas larvas para se reproduzir.

De acordo com o titular da pasta, Heverton de Freitas, este ano a
campanha está sendo veiculada através de vídeos em que as mensagens são transmitidas através de humor para chamar a atenção da população de maneira criativa e educativa. “Este ano, tivemos a ideia de usar o humor para transmitir a mensagem central da campanha, que é conscientizar a população acerca dos cuidados em combate às arboviroses”, disse.

Bloco “Xô Mosquito”

Na próxima quinta-feira (8), a partir das 17h, o bloco “Xô mosquito”, criado pela SMS, sairá pelas ruas da Zona Leste, com concentração no Largo Atheneu, seguindo até o Pólo Petrópolis, na Rua Trairi, com o objetivo de conscientizar e alertar os foliões para o combate ao Aedes aegypti.

O bloco vai contar com a participação dos agentes de endemias
e a equipe de educação em saúde para levar informação e chamar
atenção do público para a temática.

Comentários [0]


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.